TRÂNSITO Rondônia é o quarto estado a aderir à Carteira Nacional de Habilitação Digital

 

Governador Confúcio Moura no lançamento da CNH digital juntamente com o vice-governador Daniel Pereira e o diretor geral do Detran, José de Albuquerque

A Carteira Nacional de Habilitação (CNH) Digital, lançada, nesta segunda-feira (18), no Palácio Rio Madeira, coloca Rondônia na vanguarda das ações para facilitar a fiscalização.  “E também vai ajudar reduzir os acidentes trânsito, que podem matar, neste ano, cerca de 40 mil pessoas”, afirmou o governador Confúcio Moura.

Os acidentes, por sua vez, provocam danos à economia por conta dos gastos com as vítimas, além de congestionar hospitais. “Tudo deve ser feito para economizar vidas”, recomendou Confúcio Moura durante a cerimônia.

Confúcio recebeu do diretor-geral do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) de Rondônia, José de Albuquerque, a primeira CNH Digital, disponibilizada no telefone celular do governador. O segundo a receber o documento virtual  foi o vice-governador Daniel Pereira. Eles esclareceram o serviço é gratuito e está disponível a todos os motoristas.

O novo formato da CNH foi lançado pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e Rondônia logo aderiu ao serviço. É o quarto estado a oferecer o documento digitalizado.

Inicialmente, o formato digital constará nas CNHs emitidas a partir de agora. No documento impresso há um código com QR que deve ser utilizado nos postos do Detran espalhados pelo estado. O usuário deve informar o endereço virtual e o número do telefone. Na fase seguinte, poderá baixar a CNH Digital que será visualizada no telefone.

No caso dos motoristas que têm CNH sem o código QR é necessário requisitar a segunda via do documento para cadastrar ou esperar para aderir à inovação quando precisar renovar a carteira.

Também é possível obter o documento acessando o site do Detran (www.detran.ro.gov.br) e clicar no link CNH Digital e seguir os passos seguintes indicados até a conclusão.

O governador Confúcio Moura fez elogios à equipe do Detran, chefiada pelo diretor geral José de Albuquerque e pediu que seja observado o quanto a autarquia mudou para beneficiar os usuários.

Os investimentos em capacitação de servidores, tecnologia e  forma de gestão levaram, segundo o governador, a benefícios como a agilidade na emissão das CNHs, que, agora, podem ser recebidas em casa pelo usuário.

VIDAS

Confúcio defendeu que todos os esforços sejam feitos para reduzir os acidentes. Ao comentar o estudo que prevê a ocorrência de 40 mil mortes no trânsito, neste ano, o governador acentuou que o número equivale à população do município de Machadinho do Oeste, localizado no Vale do Jamari.

Se, por um lado favorece a fiscalização, a CNH Digital também beneficia os motoristas ao facilitar a apresentação do documento durante as abordagens.

Confúcio lamentou que muitos motoristas contestem as blitze da Lei Seca e afirmou que os diretores do Detran recebem muitos pedidos para que o serviço seja suspenso. “A fiscalização reduz em 40% o número de atendimentos no pronto-socorro”, finalizou o governador.

O vice-governador Daniel Pereira destacou a fiscalização e a CNH Digital “servem às pessoas de bem, que respeitam as leis do trânsito e a vida”. Ele também anunciou que está em andamento a licitação para que as Carteiras de Identidade também sejam emitidas no formato digital. Um serviço a mais na área de segurança pública, segundo ele, e que vai dificultar a ocorrência de fraudes.

A implantação da CNH Digital é um passo a mais que o Detran avança na área tecnológica que é disponibilizada à população, avaliou o diretor geral da autarquia, José de Albuquerque.  Ele também falou da facilidade oferecida para a obtenção do documento.

Fonte
Texto: Nonato Cruz
Fotos: Daiane Mendonça
Secom – Governo de Rondônia

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.